Mantenedores

Qualidade do Ar Interno - Ventilação Inadequada

Se pouco do ar exterior entrar em ambientes fechados, os poluentes podem se acumular em níveis que podem representar problemas de saúde e conforto. A menos que os edifícios sejam construídos com meios mecânicos especiais de ventilação, aqueles projetados e construídos para minimizar a quantidade de ar exterior que pode "vazar" para dentro e para fora podem ter maiores níveis de poluentes internos.

 

Como o ar exterior entra em um prédio

 

O ar exterior pode entrar e sair de um edifício: infiltração, ventilação natural e ventilação mecânica. Em um processo conhecido como infiltração, o ar exterior flui para edifícios através de aberturas, juntas e rachaduras em paredes, pisos e tetos, e em torno de janelas e portas.

Na ventilação natural, o ar se move através de janelas e portas abertas. O movimento do ar associado à infiltração e à ventilação natural é causado por diferenças de temperatura do ar entre o interior e o exterior e pelo vento. Finalmente, há uma série de dispositivos de ventilação mecânica, ventiladores  e exaustores que removem o ar de um ambiente indivisual de forma intermitente , como banheiros e cozinha. Para sistemas de tratamento de ar que utilizam ventiladores e duto para remover o ar interno e distribuir o ar filtrado e condicionado exterior para pontos estratégicos em toda a casa. A taxa em que o ar exterior substitui o ar interior é descrita como a taxa de renovação do ar. Quando há pouca infiltração, ventilação natural ou ventilação mecânica, a taxa de renovação do ar é baixa e os níveis de poluentes podem aumentar.

 

  • Identificando problemas em ambientes fechados

 

Alguns efeitos sobre a saúde podem ser indicadores úteis de um problema de qualidade do ar interior, especialmente se eles aparecem depois que uma pessoa se muda para uma nova residência, remodela ou reforma uma casa, ou trata uma casa com pesticidas. Se você acha que tem sintomas que podem estar relacionados ao seu ambiente familiar, discuta-os com seu médico ou no seu serviço de saúde local para ver se eles podem ser causados pela poluição do ar interior. Você também pode consultar um alergista ou um especialista em medicina do trabalho para obter respostas às suas perguntas.

Outra maneira de avaliar se sua casa tem ou pode desenvolver problemas de ar interior é identificar potenciais fontes de poluição do ar interior. Embora a presença de tais fontes não significa necessariamente que você tenha um problema de qualidade do ar interior, estar ciente do tipo e número de fontes potenciais é um passo importante para avaliar a qualidade do ar em sua casa.

Uma terceira maneira de decidir se a sua casa pode ter uma baixa qualidade do ar interior é olhar para o seu estilo de vida e atividades. As atividades humanas podem ser fontes importantes de poluição do ar interior. Finalmente, procure sinais de problemas com a ventilação em sua casa. Sinais que podem indicar que sua casa pode não ter ventilação suficiente incluem:

  • condensação de umidade nas janelas ou paredes
  • odor desagradável ou abafado
  • equipamentos sujos de ar condicionado e/ ou aquecimento
  • áreas onde livros, sapatos ou outros itens tornam-se mofados

Para detectar odores em sua casa, afaste-se por alguns minutos e, depois de voltar para sua casa, observe se os odores são sensíveis.

Fonte: Qualindor

Entre para postar comentários
Topo